Brasil pode chegar a mil mortes por dia, diz ministro da Saúde

114

O ministro da Saúde, Nelson Teich, admitiu nesta quinta-feira (30) que o Brasil pode vir a registrar cerca de 1 mil mortos por dia e mudou completamente o tom sobre os planos de flexibilizar o isolamento social defendido pelo presidente Jair Bolsonaro.

“Em relação a um possível número de mortes, e hoje estamos em 435, o número de 1.000, se tivermos um crescimento significativo na pandemia, é possível acontecer. Não quer dizer que vai acontecer. A gente tem que acompanhar a cada dia para tomar as decisões”, afirmou sobre a estimativa de óbitos diários provocados pela doença.